Biblioteca Municipal fechará para inventário na próxima terça-feira

inaugurao-centro-de-informaes-culturais-e-tursticas-21-10-16-30_30479694875_o

Atividades da instituição serão retomadas a partir do dia 16 de novembro

A Biblioteca Municipal “Castro Alves”, sediada no Centro de Cultura e Turismo “Marão Abdo Alfagali”, suspenderá suas atividades na próxima terça-feira (14/11) para a realização do inventário anual do acervo. O funcionamento da instituição será retomado dois dias depois, na quinta-feira (16/11).

Durante o processo de inventário, todo o acervo da biblioteca é conferido e colocado em ordem. Esse procedimento permite que os funcionários verifiquem se há materiais extraviados, necessitados de reparos ou com problemas de identificação ou catalogação.

A partir dessa análise, são tomadas as previdências necessárias para que a qualidade dos serviços de consulta e empréstimo das obras seja mantida.

No dia 14, mesmo com o fechamento provisório da biblioteca ao público, os demais espaços do Centro de Cultura e Turismo, como a sala Cinema Cultural, o Museu Municipal e a Secretaria da Cultura e Turismo, permanecerão abertos, no horário de funcionamento regular, das 9h30 às 19h. Já no dia 15, não haverá expediente, em função do feriado da Proclamação da República.

Sobre a Biblioteca Municipal “Castro Alves”

Localizada no segundo piso do Centro de Cultura e Turismo “Marão Abdo Alfagali”, no Parque da Cultura de Votuporanga, a Biblioteca Municipal “Castro Alves” conta com um amplo acervo de livros, audiolivros, livros em Braile, periódicos, DVDs, jogos e brinquedos.

O empréstimo de livros é gratuito e aberto a toda comunidade votuporanguense. Para retirar algum título, basta que o cidadão faça um cadastro no local, tendo em mãos um documento original com foto e um comprovante de endereço (conta de água ou luz).

A biblioteca atende ao público de terça a sexta-feira, das 9h30 às 19h, e aos sábados e domingos, das 15h às 21h, permanecendo fechada às segundas-feiras e feriados.

Anúncios

Sexta-feira tem show de Gustavo Bombonato e exposição de artes no Parque da Cultura

35396858093_438c28d39f_o

Show musical gratuito marca abertura da exposição “Votuporanga em Pinturas”, com obras de artistas locais

Como parte do calendário de comemorações ao aniversário de 80 anos de Votuporanga, acontece, nesta sexta-feira (28/7), às 20h, no Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali”, a abertura da exposição de artes plásticas “Votuporanga em Pinturas”, numa iniciativa da Prefeitura, por meio da Secretaria da Cultura e Turismo.

O evento contará com a participação do instrumentista votuporanguense Gustavo Bombonato, que se apresenta no auditório externo do espaço, num concerto de piano solo, gratuito e aberto a toda a comunidade.

O repertório será focado em gêneros musicais tipicamente brasileiros, como choro e baião, e inclui faixas que farão parte do próximo álbum do artista, intitulado “Intervenções”. A cenografia do show tem a assinatura do artista votuporanguense Edgard Andreatta.

A exposição

A exposição “Votuporanga em Pinturas” reúne uma série de telas que retratam a história e as belezas naturais e arquitetônicas da cidade, por meio do olhar de diversos artistas plásticos locais.

Os quadros integram o acervo do Museu Municipal “Edward Coruripe Costa” e poderão ser apreciados no espaço expositivo da instituição, localizado no terceiro piso do Centro de Cultura e Turismo.

A exposição está aberta à visitação até o dia 3 de setembro, de terça a sexta-feira, das 9h30 às 19h, e aos sábados e domingos, das 15h às 21h.

Gustavo Bombonato

Natural de Votuporanga, Gustavo Bombonato iniciou seus estudos musicais aos 9 anos de idade e, desde então, se envolveu em uma série de eventos e projetos musicais na região. Estudou “MPB Jazz e Piano” no Conservatório Dramático Dr. Carlos de Campos, em Tatuí (SP), e fez cursos com o maestro Cláudio Leal Ferreira, Írio Júnior, entre outros músicos renomados.

Em 2009, recebeu o troféu de melhor aluno do pianista Fabio Torres e ficou em 3º lugar no Festival Certame da Canção, com a música “Valsa ao Luar”. Nessa ocasião, teve o privilégio de tocar acompanhado por João Maurício Galindo, atual maestro da renomada Orquestra Jazz Sinfônica de São Paulo.

Em 2017, Gustavo lançou seu primeiro álbum, ”Novos Horizontes Apontam”, como nove composições autorais e a participação de grandes músicos, como o trompetista votuporanguense André Lagoin; o guitarrista da Orquestra Jazz Sinfônica de São Paulo, Fernando Corrêa; o baterista mineiro Esdra Neném Ferreira, que já trabalhou com Chico Buarque; e o baterista e compositor Realcino Lima Filho, conhecido como Nenê, que já gravou com nomes como Milton Nascimento, Hermeto Pascoal e Elis Regina.


SERVIÇO

Abertura da exposição “Votuporanga em Pinturas”, com show do pianista Gustavo Bombonato

Data: sexta-feira (28/7)

Local: Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali” (Av. Francisco Ramalho de Mendonça, 3112 – Jardim Alvorada/Parque da Cultura)

Horário: 20h

Realização: Prefeitura de Votuporanga, por meio da Secretaria da Cultura e Turismo

Evento gratuito | Classificação: Livre

Adolescentes atendidas pelo CEADS Fernandópolis participam de visita ao Centro de Cultura e Turismo

20170503_142613

Jovens assistidas pelo Centro Educacional de Apoio, Desenvolvimento Social e Cultural conheceram a sala Cinema Cultural, a Biblioteca e o Museu municipais

Um grupo de 18 adolescentes, com idade entre 15 e 17 anos, atendidas pelo Centro Educacional de Apoio, Desenvolvimento Social e Cultural (CEADS) de Fernandópolis (SP) realizou uma visita monitorada ao Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali”, na tarde da última quarta-feira (3/5).

Durante a atividade, as alunas da instituição assistiram ao documentário “Velha Vereda do Sertão”, sobre a história da Estrada Boiadeira do Taboado, na sala Cinema Cultural, conheceram a Biblioteca Municipal “Castro Alves” e participaram de uma visita ao Museu Municipal “Edward Coruripe Costa”, mediada pelo turismólogo responsável pelo setor de Museus e Patrimônios Históricos de Votuporanga, Evandro Junior Ferreira da Silva.

De acordo com a psicóloga do CEADS, Marcia Daiane dos Santos Dornele, o objetivo das atividades desenvolvidas durante a visita ao Centro de Cultura e Turismo foi o de fomentar a discussão de questões relacionadas à diversidade cultural entre as adolescentes assistidas. “O CEADS trabalha com serviços de convivência e fortalecimento de vínculos. Logo, entre os nossos temas, está a diversidade cultural, que é um tópico que envolve desde o respeito mútuo até o convívio em grupo. Trazer as meninas para um espaço como este, repleto de opções de lazer e cultura, ajuda na internalização desse conteúdo”, comenta Marcia.

Já a assistente social do CEADS, Rosiane Bonifácio, elogiou a estrutura e a programação do Centro de Cultura e Turismo. “Achamos muito importante trazer nossas alunas para este espaço. É um ambiente muito seguro, aconchegante, e que realmente trata a diversidade cultural com bastante ênfase e seriedade”, ressaltou.

Assistidos do IDAV participam de visita ao Centro de Cultura e Turismo

34194107341_0e224579d2_b

Grupo de pessoas com deficiências audiovisuais teve oportunidade de conhecer as dependências do Museu e da Biblioteca Municipais

Um grupo de cerca de 15 assistidos do Instituto do Deficiente Audiovisual de Votuporanga (IDAV) participou de uma visita ao Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali”, no Parque da Cultura de Votuporanga, na manhã da última quinta-feira (27/4).

Os assistidos puderam entrar em contato com o acervo do Museu Municipal “Edward Coruripe Costa”, além de visitar as dependências da Biblioteca Municipal “Castro Alves” (BCA) e da sala Cinema Cultural.

A atividade contou com a participação e mediação do coordenador de Tecnologia de Informação do Instituto Federal São Paulo (IFSP) – Campus Votuporanga, Carlos Eduardo Alves da Silva, responsável pelo projeto de extensão “Arte dos Origamis”, que, em parceria com o IDAV, oferece aos assistidos oficinas de dobraduras, visando o desenvolvimento de habilidades manuais e de concentração.

Durante a visita à Biblioteca Municipal, o grupo pôde consultar parte dos itens em formatos acessíveis disponibilizados pela instituição, incluindo livros em Braile, audiolivros e títulos na versão “Leitura Fácil”, que adapta obras literárias de forma que estas possam ser lidas e compreendidas independentemente das capacidades linguísticas ou cognitivas do leitor.

De acordo com a bibliotecária Thayane Cobacho de Oliveira, a visita do IDAV pôde comprovar que Biblioteca Municipal “Castro Alves” conta com todos os recursos de acessibilidade necessários para o público com deficiências audiovisuais. “Nosso espaço é totalmente sinalizado e conta com elementos como piso tátil e elevador, proporcionando aos visitantes total independência durante a circulação pelo prédio, não importando quais forem as suas limitações”, afirmou.

“É importante que o público deficiente utilize esse ambiente, já que uma biblioteca pode contribuir não só para o desenvolvimento físico e intelectual do indivíduo, mas também para a promoção de ações de inclusão social”, conclui Thayane.

Parque da Cultura terá roda de capoeira neste sábado (29/4)

31390764711_71f71a5793_b

Capoeiristas da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, sob o comando do Mestre Lousado, e com apoio do grupo Malungadas, prometem agitar o sábado dos votuporanguenses.

O Mestre Lousado reúne músicos e capoeiristas para uma grande roda de capoeira neste sábado (29/4), no Parque da Cultura, junto à avendia Francisco Ramalho de Mendonça. A movimentação começa às 17h e é totalmente franqueada ao público, contando com a participação dos praticantes da capoeira, inclusive os alunos das escolinhas mantidas pela Secretaria de Esportes e Lazer do município.

De acordo com o secretário José Ricardo da Cunha, “o encontro vai mostrar os fundamentos da capoeira e  toda a musicalidade do samba de roda, que trabalham a dinâmica dos movimentos corporais, por meio da gestualidade trazida pela cultura afro; entretanto, o objetivo da administração pública é conscientizar a comunidade, a respeito da importância da cultura africana para a formação da identidade brasileira”.

O mestre Lousado destaca o apoio e a participação do grupo Malungada, e convida toda a comunidade para assistir e prestigiar os capoeiristas. “A capoeira é uma arte que engloba cultura, dança e luta, agregando valores ao indivíduo, como disciplina, equilíbrio emocional, flexibilidade e coordenação motora. É muito saudável para praticar e muito interessante para assistir”, convida.

Parque da Cultura terá “Piquenique Cultural do NIAC” neste domingo

29319996483_43b2e16a1c_b

Evento gratuito é realizado pelo Núcleo de Iniciação às Artes Cênicas, em parceria com a Secretaria da Cultura e Turismo

Durante a tarde deste domingo (26/3), o Parque da Cultura de Votuporanga sediará o “Piquenique Cultural do NIAC”. O evento é realizado pelo Núcleo de Iniciação às Artes Cênicas (NIAC), em parceria com a Secretaria Municipal da Cultura e Turismo.

A atividade terá início às 15h, com um banquete comunitário ao ar livre. Durante o piquenique, os participantes poderão compartilhar salgados, doces e bebidas, e deverão trazer toalhas e cangas para serem estendidas sobre o gramado do parque.

A partir das 15h30, será promovido um bate-papo sobre teatro, carreira artística e cultura, comandado pela atriz Luciene Vespa, além de uma oficina de tecido acrobático, ministrada pelo bailarino Renan Carvalho.

Já às 17h, as atividades ficarão concentradas no auditório externo do Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali”, onde serão realizadas apresentações livres com alunos do NIAC, seguidas da intervenção artística “Versos e Avessos”, da companhia Dramanatrama Teatral.

Encerrando a programação do “Piquenique Cultural”, o mestre em História da Arte pela Universidade de São Paulo (USP), Rildo Rodrigues Goulart, ministrará a palestra “A Arte Gótica: da Europa ao Brasil”, a partir das 19h, na sala de cinema do Centro de Cultura e Turismo.

De acordo com a coordenadora do NIAC, Graziella Fuscaldo, o intuito do evento é promover a integração entre alunos do Núcleo, artistas locais, convidados e a própria comunidade: “A proposta é que as pessoas aproveitem o ambiente agradável que o Parque da Cultura oferece, numa tarde com diversidade cultural e interação entre o público e a classe artística”, comentou.

Sobre o NIAC

O Núcleo de Iniciação às Artes Cênicas (NIAC) existe desde 2013 e já se transformou num ponto de encontro e convivência entre artistas iniciantes e profissionais de Votuporanga, criando uma plataforma de ideias e de conexão com a cidade.

Sediado na Escola Municipal de Artes, o NIAC mantém suas matrículas abertas a todos os interessados com idade acima de 10 anos. As aulas do projeto são gratuitas e acontecem todas as segundas e quintas-feiras, das 19h às 22h. Para se inscrever, é preciso comparecer ao local com meia hora de antecedência ao início das aulas, tendo documentos pessoais em mãos. As inscrições são contínuas e não há um número limite de alunos.

O NIAC é um processo aberto e democrático de integração do indivíduo com a arte, no qual são oferecidas noções básicas de artes cênicas (interpretação teatral, cenografia, iluminação, maquiagem, figurino, coreografia cênica e expressão vocal e corporal), com intuito de promover reflexões por meio do estudo e de atividades de pesquisa, na perspectiva de potencializar o conhecimento e estimular a criatividade, desenvolvendo um programa integrado de capacitação e reciclagem, com aulas, palestras e processos colaborativos.

O Núcleo de Iniciação às Artes Cênicas é um projeto gratuito da Prefeitura de Votuporanga, por meio da Secretaria da Cultura e Turismo, sob a coordenação de Graziella Fuscaldo. Para obter mais informações, acesse a fanpage do projeto: www.facebook.com/niacvotuporanga.


Confira abaixo a programação completa do “Piquenique Cultural do NIAC”:

à 15h – ABERTURA:

– Banquete ao ar livre (participantes devem levar alimentos, bebidas e toalhas ou cangas)

à 15h30 às 16h30 – ATIVIDADES AO AR LIVRE:

– Bate-papo com a atriz Luciene Vespa

– Oficina de tecido acrobático, com o bailarino Renan Carvalho

à 17h às 17h30 – ATIVIDADES NO AUDITÓRIO EXTERNO:

– Palco LIVRE: apresentações com os alunos do NIAC

– Intervenção “Versos e Avessos”, com a companhia Dramanatrama Teatral

à 19h às 21h – ENCERRAMENTO

Palestra “A Arte Gótica: da Europa ao Brasil”, com Rildo Rodrigues Goulart (Sala Cinema Cultural)


SERVIÇO:

“Piquenique Cultural do NIAC”

Data: Domingo (26/3)

Local: Parque da Cultura e Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali” (Avenida Francisco Ramalho de Mendonça, Nº 3112 – Jardim Alvorada)

Horário: das 15h às 21h

Evento gratuito | Classificação Livre


Núcleo de Iniciação às Artes Cênicas (NIAC)

Aulas: Segundas e quintas-feiras, das 19h às 22h

Local: Escola Municipal de Artes (Rua São Paulo, 3456, Patrimônio Novo)

Inscrições: Gratuitas. Devem ser feitas no local, meia hora antes do início das aulas

Telefone: (17) 3422-4288

Munícipes elogiam estrutura do Centro de Cultura e Turismo

Espaço chama a atenção do público por reunir cultura e entretenimento gratuitos e para todas as idades

A estrutura do Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali” vem sendo frequentemente elogiada pelos moradores de Votuporanga. Localizado no Parque da Cultura, o espaço abriga não só a Biblioteca Municipal “Castro Alves”, o Museu Municipal “Edward Coruripe Costa” e a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, como também dispõe de um auditório externo para 90 pessoas e da sala Cinema Cultural, com capacidade para 70 lugares e três sessões diárias de filmes, oferecidas pelo programa “Pontos MIS”, numa parceria entre a Secretaria Municipal da Cultura e Turismo e o Museu da Imagem e do Som de São Paulo (MIS-SP).

Frequentadora assídua do Centro de Cultura e Turismo, a estudante Glenda Carvalho passa boa parte de sua semana na biblioteca do local. Natural de Jales (SP), Glenda se mudou para Votuporanga há poucos meses, mas já tem usufruído das facilidades oferecidas pelo espaço.

Aluna de um cursinho pré-vestibular da cidade e aspirante a uma vaga no curso de Medicina, ela se dedica aos estudos, em média, seis horas por dia, período em que se utiliza da Sala de Oficinas da Biblioteca Municipal “Castro Alves”: “O espaço é incrível. É um ambiente climatizado, silencioso e limpo, onde encontro tudo o que preciso, desde computadores com acesso à internet até livros para eventuais consultas”, afirma a estudante.

Em sua primeira visita ao local, a vendedora Thaís Carrasco também se impressionou com o que viu. Acompanhada da mãe, Márcia Carrasco, e de seus dois filhos, Marcelo, de 3 anos, e Arthur, de 2 meses, Thaís destacou a variedade de programações e a versatilidade do Centro de Cultura e Turismo: “Aqui, encontro atividades tanto para mim quanto para os meus filhos. Além da biblioteca, que tem vários livros infantis e ajuda no estímulo à leitura, eles ainda têm um espaço onde podem brincar em segurança, num ambiente muito limpo e bem cuidado”, ressaltou.

Ações de inclusão social

Além do atendimento regular ao público, o Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali” também tem acolhido grupos de entidades assistenciais de Votuporanga, em ações de inclusão social, promovidas por instituições como a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE), o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) “Leodoro Santana” e os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS).

Entre as atividades desenvolvidas pelas entidades, estão desde oficinas e aulas de inclusão digital até visitas guiadas ao Museu Municipal e exibições de filmes no Cinema Cultural.

Para a secretária municipal da Cultura e Turismo, Silvia Stipp, “é extremamente importante um espaço que agrega além do cinema, do museu e da biblioteca, programações de diferentes manifestações artísticas como exposições de artes plásticas com artistas votuporanguenses e atividades formativas em vários segmentos”.

Sobre o Centro de Cultura e Turismo

Desde sua apresentação, em outubro de 2016, por meio da 5ª edição do Festival Literário de Votuporanga (FLIV), o Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali” já recebeu um público de mais de 90 mil pessoas.

O local fica aberto à visitação de terça a sexta-feira, das 9h30 às 19h, e aos sábados e domingos, das 15h às 21h. A entrada é gratuita e livre para todos os públicos.


SERVIÇO:

Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali”

Endereço: Avenida Francisco Ramalho de Mendonça, nº 3112 – Parque da Cultura – Jardim Alvorada

Visitação: de terça a sexta-feira, das 9h30 às 19h. Aos sábados e domingos, das 15h às 21h. Fechado durante os feriados.

Telefone: (17) 3405-9670

 

Centro de Cultura e Turismo ganha bicicletários

dscn4667

Equipamentos ficam próximos à entrada do prédio, pela avenida Ângelo Bimbato, e acomodam até 20 bicicletas

Na última quarta-feira (01/02), dois bicicletários foram instalados próximos à entrada do Centro de Informações Culturais e Turísticas “Marão Abdo Alfagali”, pela Avenida Ângelo Bimbato, no Parque da Cultura de Votuporanga.

Com vagas para até 20 bicicletas, os equipamentos facilitam o acesso dos ciclistas ao Centro de Cultura e Turismo e também garantem mais segurança ao patrimônio dos visitantes no espaço.

A implantação dos bicicletários é fruto de uma parceria entre as Secretarias da Cultura e Turismo e de Trânsito, Transporte e Segurança, responsável pela confecção e afixação dos aparelhos.

De acordo com a secretária municipal da Cultura e Turismo, Silvia Stipp, a instalação dos equipamentos é uma prestação de serviços que traz à população a possibilidade de agregar, num mesmo espaço, atividades esportivas e culturais. “Os bicicletários são muito bem-vindos, pois chamam a atenção do ciclista que vem se exercitar no Parque da Cultura, e que, a partir de agora, passa a se sentir mais acolhido pelo Centro de Cultura e Turismo e até mesmo estimulado a participar das atividades oferecidas pelo espaço”, afirmou.

Para o secretário municipal de Trânsito, Transporte e Segurança, Jair de Oliveira, os bicicletários são importantes para organizar e garantir segurança aos proprietários. “Além de incentivarmos o uso deste meio de transporte, proporcionamos um espaço seguro e confiável para as pessoas guardarem suas bicicletas enquanto prestigiam os inúmeros atrativos do Parque da Cultura”, finalizou.

Equipamentos do tipo também estão instalados em outros locais da cidade: na região central – nas ruas Mato Grosso, entre Amazonas e Pernambuco; Bahia, em frente ao Poupatempo; Praça São Bento, Concha Acústica e nas proximidades da Arena Plínio Marin. Há previsão de instalar bicicletários também em frente ao Complexo Esportivo Victor Hugo Garcia Jorge, inaugurado no fim do ano passado, no bairro Chácara das Paineiras.